5 Erros de Day Trade com Conta de Dinheiro

Hoje retomei a negociação nos mercados com uma conta real, e resultado foi mau. Ontem tinha finalizado e publicado o Plano de Day Trade -PDT (Versão 1.21), e pensava que estava minimamente preparado.

O objetivo era apenas negociar o ETF EWZ se surgisse uma configuração planeada, e acompanhar o ETF QQQ numa conta de simulação ou paper trading. Na imagem abaixo encontra-se a minha plataforma de negociação no Tradingview com os dois ETFs antes da abertura dos mercados.

Janelas no Tradigview com os Gráficos dos EDTs QQQ e EWZ

Para minha surpresa, quando consultei a plataforma de negociação da minha corretora Tradezero, logo após a abertura do mercado reparei que para iniciar posições curtas ou venda a descoberta no EWZ tinha de alocar ações, incorrendo em custos não previstos. Fiquei desorientado e alterei por completo a minha estratégia.

Erro n.º 1: Negociar mercados não planeados

Uma vez que não pretendia negociar o EWZ, o primeiro erro foi negociar um mercado não planeado, a Apple (AAPL). O resultado foi a primeira perda do dia.

Gráfico de 5 Minutos da Apple

Erro n.º 2: Atender telefonemas não urgentes durante a sessão

Decidi de seguida que mesmo não negociando posição curtas no EWZ, podia entrar longo ou comprar ações para depois vender. Pouco depois, um amigo ligou para o telefone, e como não conhecia o número e era a segunda chamada atendi o telefonema. O resultado foi ter passado ao lado a melhor oportunidade de negociação da sessão.

Gráfico de 5 minutos do EWZ

Erro n.º 3: Entrar com barra de sinal grande

Mais tarde, e depois do que me pareceu um padrão cunha, decidi iniciar posição longa no QQQ apostando numa reversão. Além de repetir o erro de negociar num mercado não planeado com uma conta real, entrei numa barra de sinal grande o que implica um maior risco. O resultado foi mais uma perda.

Gráfico de 5 minutos do QQQ com Padrão Cunha

Erros n.º 4 e n.º 5: Negociar padrões fora do plano de trade e iniciar mais de duas negociações por dia

Ainda não contente, e pelas 17:00 inicie nova posição a perseguir o mercado, com um padrão de momento e rompimento fora do PDT. O resultado foi a terceira perda consecutiva do dia. Isto significa que executei mais de duas posições, o que é mais um erro e fora do considerdado no plano.

Encerrei o dia de trade com uma perda acumulada de 0,90% (risco de 0,30% por posição).

Conclusão e lições a reter

As lições a retirar deste primeiro dia de negociação com o novo plano de day trade (PDT), são as seguintes:

  • Negociar numa conta real com dinheiro vivo é significativamente diferente de uma conta de simulação, tanto a nível técnico de execução como psicológico.
  • O custo de alocar ações para venda a descoberto pode não ser muito alto e justificar a despesa com um bom R:R.
  • Importa seguir ao máximo o plano de trading, e caso haja algum desvio em relação ao previsto, abortar a negociação na conta real e rever a sessão no final do dia. Rever o PDT se necessário e regressar aos mercados no dia seguinte.
  • É importante trabalhar para reduzir ao mínimo o número de erros, pelo que criei uma folha de cálculo com um resumo dos resultados acompanhado dos erros e número de ocorrências.
Folha de Cálculo com os Resultados e Erros do Trade

GRÁTIS! Estratégia de Day Trade

Descubra quatro padrões simples de negociação que poderá usar no gráfico de 5 minutos.