Barras de Sinal, Barras de Entrada e Padrões de Velas no Price Action – Ler Gráficos de Preços Barra por Barra de Al Brooks: Resumo do Livro (Capítulo 1)

Reading Price Charts Bar by Bar de Al Brooks - Capa do Livro

Este artigo resume os excertos que considero mais importantes da introdução ao capítulo 1 (Price Action) do livro Ler Gráficos de Preços Barra por Barra de Al Brooks*, estando integrado num resumo geral do livro, capitulo por capitulo.

Al Brooks é uma das autoridades do price action, sendo seguido por muitos outros traders pelo seu estilo peculiar de investimento na bolsa através da análise técnica pormenorizada dos gráficos de preços.

De seguida, destaco as passagens descritivas das barras de sinal, barras de entrada e padrões de vela do capítulo 1.

Se um negócio é na direção da tendência prevalente, é a “favor da tendência”, e se for na direção contrária, é uma configuração contratendência.

Uma barra de sinal é sempre identificada em retrospetiva, depois da barra fechar e um negócio ter iniciado. Assim que a sua ordem é finalizada, a barra anterior torna-se uma barra de sinal em vez de uma barra de configuração, e a corrente barra é a barra de entrada. Um trader iniciante deverá apenas entrar quando a barra de sinal é também uma barra de tendência na direção do seu negócio.

Quase todas as barras são uma potencial barra de sinal, mas a maioria nunca conduz a uma entrada, e portanto não se tornam barras de sinal. Como day trader, irá ter muitas ordens que nunca irão ser finalizadas.

É melhor entrar num stop um ponto acima ou abaixo da barra anterior, e se o stop não for ativado, cancelar a ordem e procurar uma nova localização para a ordem. Para ações, é geralmente melhor, colocar uma entrada stop uns pontos acima da barra de sinal potencial, porque armadilhas de um ponto são comuns, onde o mercado rompe por um ponto e depois reverte, enganando todos os traders que acabaram de entrar com stop.

Muitas vezes, uma barra pode ser uma barra de configuração em ambas as direções, em que coloca uma entrada stop nos dois extremos e entrará na direção do rompimento.

Para um trader, o ponto mais importante é determinar se o mercado está em tendência ou lateralidade. Quando o assunto é analisar uma barra individual, o ponto é também se está em tendência ou lateralidade. Cada barra ou vela é somente importante em relação ao price action, e a vasta maioria dos padrões de velas não são úteis na maioria do tempo porque ocorrem no price action onde não têm valor preditivo de alta probabilidade. Portando, irão complicar o trading dando muito que pensar, e tiram a sua mente da tendência.

*Tradução do editor para português do título original do livro Reading Price Charts Bar by Bar.

«
»