Confissões de um Day Trader #12

Depois de ter realizado a experiência de trade com os gráficos de linhas, regressei ao método clássico de análise técnica no gráfico de barras ou candles.

O gráfico de linhas tem a vantagem do trader poder focar-se mais na estrutura de mercado com a observação dos topos e fundos (fratais), mas a familiaridade com as candles trouxe-me de volta a este tipo de gráfico.

Numa tentativa de reduzir ainda mais as variáveis de análise do price action e melhorar a consistência vou introduzir algumas alterações:

Alguns traders poderão dizer que ao considerar um indicador não estou a fazer uma análise pura de price action, mas o que importa são os resultados. O próprio Al Brooks usa médias móveis na sua análise.

Deixe um comentário

Confissões de um Day Trader

Subscreva a newsletter e acompanhe de perto os pensamentos e desafios de um day trader profissional.