Falhas de Máxima/Mínima 2 no Price Action – Brooks (2009)

EWZ 5 MIn - Falhas de Máxima e Mínima 2

Este artigo contém as minhas notas de estudo do livro Ler Gráficos de Preços Barra por Barra de Al Brooks*, estando integrado num resumo geral da obra, capitulo por capitulo.


Máxima e Mínima 2 com uum dos setups mais fiáveis a favor da tendência

As Máxima e Mínima 2 são um dos setups mais fiáveis a Favor da Tendência. Se um trade falhar, existirão pelo menos mais duas pernas corretivas antes de uma Máxima ou Mínima 4 tentar novamente concluir a correção. Se uma Máxima ou Mínima 4 falhar, a retração poderá ter-se transformado numa nova tendência, sendo preciso mais price action antes de se iniciarem novos trades.

A causa mais comum de uma Máxima ou Mínima 2 falhada é que o trader está a negar uma tendência forte procurando uma entrada de Contra Tendência antes de haver um rompimento forte de uma linha de tendência. Isto é comum a seguir a uma reversão climax em que o trader está à procura de entrar na direção da antiga tendência, que já não está mais em efeito.

A falha deste padrão conduz geralmente a mais duas pernas

Num touro, uma Mínima 2 falhada é geralmente uma entrada longa de Máxima 2.

Um Fundo Triplo ou uma Retração de Duplo Fundo são padrões de Mínimas 2 longas falhadas. Em ambos os casos, o mercado fez duas tentativas para continuar em baixa, e em ambas falha. Sempre que o mercado tenta fazer alguma coisa duas vezes e falha ambas as vezes, geralmente irá fazer o oposto. Os traders a Favor da Tendência irão aguardar por mais price action, os traders de Contra Tendência sabem que estão em controlo, pelo menos para um scalp.

Uma máxima ou mínima 2 não é razão suficiente para entrar em contra tendência

Um Mínima 2 não é razão suficiente para iniciar um trade de Contra Tendência na ausência de um rompimento anterior forte de uma linha de tendência. De facto, irá quase sempre falhar e tornar-se numa grande entrada a Favor da Tendência, como uma compra de Máxima 2. Antes de entrar curto num touro forte, precisa primeiro de ver primeiro a “garra” dos ursos.

A máxima ou mínima do dia costuma ser na primeira hora

A máxima ou mínima do dia geralmente desenvolve-se cerca da primeira hora. Quando a Mínima 2 é muito afastada da MME não é um bom teste da MME. Normalmente, segundos testes na MME são mais pertos da MME ou penetram mais do que o primeiro teste. Muitos traders não se sentem confortáveis a entrar a Favor da Tendência a menos que a retração toque ou chegue um ou dois pontos perto da MME.

Quando um rali tem muitas barras sobrepostas e vários dojis, indica que touros e ursos estão em equilíbrio, e um movimento rápido será pouco provável.

*Tradução do editor para português do título original do livro Reading Price Charts Bar by Bar.

Confissões de um Day Trader

Subscreva a newsletter e acompanhe de perto os pensamentos e desafios de um day trader profissional.