Novo Desafio de Trade numa Mesa Proprietária (Prop Firm)

Iniciei recentemente um desafio numa mesa proprietária (prop firm) para tentar elevar o meu trading para o próximo nível, nomeadamente a nível da gestão do risco.

Uma mesa proprietária financia traders se estes atingirem objetivos pré-determinados numa conta de demonstração, em que o trader passa a ser patrocinado operando com dinheiro de outros investidores.

Até há pouco tempo atrás, para participar num desafio de uma mesa proprietária, era necessária uma quantia mínima de cerca de $150, o que para um trader iniciado é significativo. Agora a partir de $50 já é possível participar num desafio de trade.

Por exemplo, a firma MyFundedFX oferece uma conta de $5000 com um objetivo de lucro de $500 (10%) para um trader ser financiado ou patrocinado.

A conta selecionada não tem limite de tempo para terminar, podendo concluir o desafio com sucesso tanto em um mês como em seis meses, exceto se i) perder em qualquer dia mais de 4% da conta ou ii) se perder mais de 6% em relação ao valor máximo da conta a qualquer momento.

Voltando agora ao início do artigo, o que me levou efetivamente a procurar uma mesa proprietária foi a melhoria da gestão do risco. Por várias vezes, quando obtinha sucesso nas operações e começava a aumentar o tamanho da conta, obtinha perdas elevadas, ficando com um P&L negativo. Para tentar recuperar as perdas, entrava em modo “revenge trading”, o que iria afundar ainda mais a minha conta de trade.

As perdas acumuladas possibilitam a compra de vários desafios de trade numa “prop firm”, o que acabou por acontecer só agora. Nem tudo são rosas nas “prop firm” sendo que o trader patrocinado tem de partilhar os seus lucros com a firma, normalmente de 20% ficando com o fatia restante de 80%, sendo o preço a pagar pela gestão do risco adicional.

Alerto que uma mesa proprietária não é o ambiente adequado para um trader menos experiente, pois só quem vai ganhar dinheiro é a “prop firm”. Um trader iniciado deve começar sempre numa conta de simulação ou demonstração sem custos ou com os custos mínimos. Só depois de provas dadas e alguma consistência, se pode pensar em novos vôos…

4 comentários em “Novo Desafio de Trade numa Mesa Proprietária (Prop Firm)”

  1. Com estes limites de 4% ao dia e 6% do total da conta, qual seria o % máximo arriscado por cada trade você utilizaria?

    Responder

Deixe um comentário