Os Fundamentos da Estrutura de Mercado

A estrutura de mercado é um dos princípios básicos e mais importantes do price action.

Trata-se de um conceito avançado de análise técnica que estuda as fases direcionais do preço em que se encontram todos os mercados a cada momento e respetivas transições.

Decompor a estrutura de mercado

A estrutura de mercado é composta do elementos menor para o elemento maior pelas seguintes componentes: barra, perna, swing e tendência.

Barra

Num gráfico em qualquer horizonte temporal, a estrutura tem inicio no elemento menor com a formação de uma barra ou candle.

Perna

Várias barras consecutivas numa direção formam a perna. Uma perna também pode ser uma única barra se esta for longa.

Swing

O conjunto de duas ou mais pernas formam o swing com início e fim num fundo e topo respetivamente num swing de alta (ver figura acima), ou com início e fim num topo e fundo respetivamente num swing de baixa.

Tendência

Dois ou mais swings formam a tendência, que pode ser de alta com fundos mais altos (ver figura acima) ou de baixa com topos mais baixos. Se os topos e fundos se mantiverem aproximadamente ao mesmo, nível é formada uma lateralidade ou canal horizontal, em que o preço está em consolidação.

Correção

A perna, swing e correção são padrões impulsivos que projetam o preço numa direção. A natureza dos mercados não permite que o preço se mova indefinidamente numa direção, pelo que as correções com o preço na direção contrária dos impulsos fazem parte do ritmo natural da bolsa.

A distancia percorrida pelo impulso deverá ser maior que a distancia percorrida pela correção.

Os 3 tipos de estrutura de mercado

Os três tipos de estrutura (tendência, lateralidade e reversão) e respetivas transições são observáveis em qualquer tempo gráfico, desde o gráfico de 1 minuto até ao gráfico semanal ou mensal, considerando a natureza fractal dos mercados.

A estrutura do mercado é portanto única para cada tempo gráfico. Por exemplo, no gráfico diário, um mercado pode estar em lateralidade enquanto no gráfico de 5 minutos o mesmo encontra-se em tendência.

Uma tendência de alta pode reverter diretamente numa tendência de baixa e vice-versa. No entanto, também pode ocorrer uma lateralidade que faz a transição entre as duas tendências.

Se tendência a seguir à lateralidade for na mesma direção da tendência anterior, existe uma continuidade da direção da estrutura de mercado, e não uma reversão, como no caso anterior.

Artigo relacionado:
6 Premissas da Estrutura de Mercado