Os diferentes tipos de traders em função do prazo de investimento

Atualizado a

Existem vários tipos de traders de acordo com a sua abordagem aos mercados, e consoante são mais ou menos ativos, tanto a nível de acompanhamentos dos mercados como do número de negociações.

Existem várias terminologias conhecidas para os tipos de traders, sendo que neste artigo descrevo os quatro tipos mais comuns: scalp traders, day traders, swing traders e position traders.

Scalping traders

Os scalping traders negoceiam intra diariamente fazendo dezenas ou centenas de negociações num dia e retirando pequenos lucros. Uma posição aberta pode durar de segundos a minutos. Grande parte dos scalpers usam a alavancagem para aumentar a sua exposição a pequenos movimentos de preços.

Day traders

Os day traders também negociam intra diariamente comparando e vendendo títulos no mesmo dia. A diferença entre os scalpers e os day traders é que estes últimos mantêm as posições abertas desde minutos a horas para apanhar maiores movimentos de preços. Um day trader faz tipicamente entre uma a cinco negociações num dia e também pode usar a alavancagem para exponenciar os seus resultados.

Swing traders

Os swing traders tentam capturar grandes movimentos de preço, mantendo um título de vários dias a semanas. O potencial de retorno não é tão grande como nos casos anteriores e podem fazer entre uma a cinco negociações por semana. Se recorrerem à alavancagem, esta é habitualmente mais baixa que nos casos anteriores.

Position traders

Os position traders tentam capturar movimentos de preço a longo prazo, podendo manter uma posição de meses a mesmo anos. Este tipo de traders não está preocupado com o movimento intra diário de preços, investindo individualmente nos títulos que pensam que possam valorizar com o tempo. Pode fazer entre 1 a 10 negociações por ano.