Short Selling

Sempre me senti mais à vontade a apostar na queda de um indíce do que na subida. Tradicionalmente os indices e as melhores ações têm tendência de subida mas também existem boas oportunidades na direção contrária.

Short selling ou venda a descoberta é apostar na descidade de um intrumento financeiro. O desejado é vender o ativo a um preço mais alto para o comprar mais tarde a um preço mais baixo, realizando desta forma lucro.

Estou atualmente a testar e a afinar uma estratégia de day trade com short selling nos indíces globais e ações que passo a descrever de seguida.

Pretende-se entrar no mercado junto à máxima da sessão para um scalp com um RR de 1. Os setups de entrada (de reversão) são observados no gráfico de 5 minutos e o contexto (ou estrutura de mercado) no gráfico de 30 minutos.

Muitos dos scalps poderiam também permitir negociações swing com um RR de 2 ou mais, mas o foco da estratégia não é esse.

A gestão do risco vai ser um pouco mais agressiva do que o habitual, pelo que irá ser testada numa conta mais pequena. O objetivo é conseguir realizar lucro de +1R diário. Por exemplo, se considerar um risco de $50 por trade então este será o meu objetivo diário de lucro.

Isto significa que se obtiver sucesso no primeiro trade da sessão paro e regresso no dia seguinte. Se perder no primeiro trade entro num segundo trade com o dobro do risco inical, ou seja, $100. Se perder no segundo trade entro num terceitro trade com o triplo do risco inicial, ou seja, $150. E assim sucessivamente.

A desvantagem desta estratégia é poder entrar num espiral de perdas consecutivas podendo descontrolar facilmente o valor do risco. Espero minimizar esta situação com o RR baixo de 1 que teoricamente permite uma maior probabilidade de acerto.